Um país, vários idiomas. Conheça países onde a comunicação pode ser desafiadora

Photo by Yannis Papanastasopoulos on Unsplash Certa noite, um brasileiro caminhava pelo centro da cidade de Colônia, na Alemanha, em direção ao seu hotel quando decidiu parar para comprar água mineral em uma pequena loja de doces. Entrou sem fazer alarde na loja vazia, abriu a porta da geladeira e pegou uma garrafa. Quando se dirigiu ao caixa para pagar, viu uma ampla variedade de chocolates e aproveitou para escolher um. O rapaz solitário que estava no caixa apenas sorriu para o visitante e ficou pacientemente esperando a hora de receber. Sem dizer nada, o jovem mostrou a garrafa de água e chocolate para o dono da venda, que, ciente de se tratar de um estrangeiro e tentando ser simpático, disse: “Inglês, alemão ou turco? O brasileiro respondeu com outra pergunta: “português?”. Os dois apenas riram. Riqueza linguística e cultural A pequena história acima retrata de forma divertida uma realidade comum em muitos países do globo terrestre. Há inúmeras nações onde falar mais de um idioma é algo absolutamente natural. E, para um estrangeiro, isso pode ser embaraçoso ou desafiador, dependendo da forma como se analisa. De um lado, para quem não é fluente na língua (ou línguas) do país onde se está, pode ser complicado. Por outro lado, também pode ser interessante para quem está aprendendo um novo idioma e quer aproveitar uma viagem para treinar a nova língua. Ou mesmo apenas pela vivência de uma rica experiência cultural. É uma vantagem e tanto estar em apenas um ambiente e poder falar mais de um idioma. Existem casos interessantíssimos, como a Bélgica, por exemplo. O país europeu de...

Obrigado, 2017!

Photo by Dawid Zawiła on Unsplash O fim de ano se aproxima e este é um ótimo momento para olharmos no retrovisor e agradecer por todas as experiências vividas. E nós temos muito a agradecer. O ano de 2017 foi muito especial para a Gama! Traduções e Interpretações, pois completamos 10 anos de vida, um momento marcante em nossa jornada. Só chegamos até aqui porque contamos com a confiança de centenas de clientes, e tivemos apoio irrestrito de excelentes profissionais ao nosso redor. Deixamos nosso muito obrigado a cada um que fez e ainda faz parte desta linda história. Vocês são incríveis! Desejamos boas festas a todos vocês e seus familiares, um Natal cheio de paz, alegria e harmonia, e uma virada de ano plena de esperança. E que em 2018 a gente possa seguir juntos para escrever um novo (e belo) capítulo em nossa história. Gabriela Slaviero e Julio Trevizan....

10 lugares para visitar nas férias e turbinar o aprendizado do idioma

Photo by rawpixel.com on Unsplash 2017 está chegando ao fim e muitas pessoas entram em férias nessa época do ano para relaxar e recarregar as energias para o ano que está por vir. E nada melhor do que aproveitar o tempo livre para viajar e vivenciar novas experiências. Para os que estão aprendendo um novo idioma, esta é uma excelente oportunidade para imergir na cultura local e treinar a conversação, o grande calcanhar de Aquiles dos que estão estudando uma nova língua. Afinal de contas, trocar informações com um nativo é sempre uma forma eficiente de aprender um pouco mais sobre o idioma. Pensando nisso, selecionamos alguns destinos interessantes para você visitar durante as férias e, ao mesmo tempo, entrar em contato com uma língua diferente. Hora de arrumar as malas e se divertir. Inglês Nova Iorque (Estados Unidos) O mundo inteiro se reúne na cidade, onde se vê de tudo um pouco. Cultura, entretenimento, gastronomia… Nova Iorque é um dos pontos turísticos mais visitados por pessoas dos quatro cantos da terra. Tem bastante lugar interessante para visitar, como a Estátua da Liberdade, o Central Park, a Times Square, a Quinta Avenida, o MET (Metropolitan Museum of Art) entre centenas de outros pontos. Londres (Reino Unido) A capital da Inglaterra é, também, uma capital mundial. Londres se destaca como importante centro financeiro e comercial, onde estão reunidas grandes empresas. A cidade também tem muita história. O metrô da cidade, por exemplo, é o mais antigo sistema no mundo – e o segundo maior. O ônibus panorâmico é mais um transporte atrativo para visitar o Big Ben, o Palácio de...

Calendário Digital – Dezembro de 2017

Enfim, dezembro! Chegamos ao fim de mais um ciclo e gostaríamos de agradecer à todos que baixaram e curtiram nossos calendários. Que todos tenham um ótimo ano. Um grande abraço da equipe Gama! E baixe nosso calendário e fique atento aos nossos posts! Sempre falamos sobre assuntos interessantes! Instruções – Instruções PC (Windows): Clique na imagem e ao abrir clique com o botão direito do mouse sobre a imagem de sua preferência e escolha “Definir como papel de parede…”. Instruções MAC OS9: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem de sua preferência e escolha “salvar como” no seu mac. 2. No Menu da Apple vá em Painel de Controle e escolha aparência. 3. Escolha “Colocar imagem” e busque o wallpaper. 4. Clique em “Definir como papel de parede”. Instruções MAC OS X: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem e escolha salvar. 2. Salve a imagem em “documentos”. 3. No Menu Apple> Preferências do sistema> Seção Pessoal> Documento. 4. Busque o wallpaper e escolha “definir como papel de parede” Caso a imagem não se encaixe em sua tela tente outra opção, sempre trazemos as imagens nos 4 tamanhos mais comuns de monitores. Tamanho 800×600 Tamanho 1024×768 Tamanho 1280×1024 Tamanho...

Comércio internacional: as exportações e importações brasileiras em 2017

Em 2017, o Brasil atingiu o maior superávit comercial da história: US$ 62 bilhões. De acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, entre janeiro e novembro, as exportações registraram US$ 200,1 bilhões, número 18% superior em comparação com o mesmo período de 2016. Já as importações somaram US$ 138,1 bilhões, o que corresponde a 9,6% de avanço frente a igual período do ano passado, quando foi registrado o último recorde da balança comercial (US$ 43,3 bi). Nos onze primeiros meses do ano, as exportações aumentaram para a Ásia (26,9%), Mercosul (18,6%), Estados Unidos (17,3%), Oriente Médio (16%), América Central e Caribe (14,4%), Oceania (4,6%), e União Europeia (4,1%). Quanto às importações, as movimentações mais intensas foram da China (US$ 46,4 bilhões); Estados Unidos (US$ 24,5 bilhões); Argentina (US$ 16 bilhões); Holanda (US$ 8,6 bilhões) e Japão (US$ 4,8 bilhões). Exportações – países e produtos A China continua sendo o principal destino das mercadorias brasileiras, com 22% das movimentações. Os Estados Unidos aparecem em segundo lugar, bem mais atrás, com 12%, seguido da Argentina, a terceira colocada no ranking. A Holanda é a quarta colocada, com o Japão fechando o top 5. Chile, Alemanha, Índia, México e Espanha encerram a lista dos 10 países para os quais o Brasil mais exporta. Veja a lista com os três principais produtos: China Soja, minério de ferro e óleos brutos de petróleo. Estados Unidos Óleos brutos de petróleo, aviões e produtos semimanufaturados de ferro ou aço. Argentina Automóveis, veículos de carga e partes e peças para carros e tratores. Holanda Farelo e resíduos da extração de óleo de soja, tubos...

Dicas para aproveitar seu intercâmbio ao máximo

Photo by Christine Roy on Unsplash Decidir por fazer um intercâmbio é uma atitude ousada. Se esta é a sua escolha, parabéns! Convenhamos, não é fácil sair da zona de conforto e deixar a vida conhecida no Brasil para viver uma experiência completamente nova em um ambiente diferente do habitual. Por esse motivo, para que o intercâmbio seja bem aproveitado, isso exige um planejamento bem feito antes da viagem e um alto nível de consciência para se manter focado no objetivo principal. Selecionamos algumas dicas para você se organizar e aproveitar ao máximo seu intercâmbio. Confira! 1. Peça auxílio a especialistas Existe um bom número de empresas especializadas em intercâmbio no Brasil, então procure a que mais lhe agrada e feche a parceria. Eles conhecem todos os caminhos para tornar sua viagem mais simples, fácil e agradável. Claro que é possível resolver tudo por conta própria, mas essa escolha vai lhe custar mais tempo, ampla pesquisa e, às vezes, mais dinheiro. No geral, essas empresas cuidam do processo de ponta a ponta do embarque ao desembarque no aeroporto, junto de toda a burocracia. Neste caso, é muito melhor você se preocupar apenas com o seu objetivo, de aprender ou aperfeiçoar o idioma e viver uma experiência proveitosa. 2. Decida pelo destino A escolha do destino é parte importante no sucesso do seu intercâmbio. Analise com muita atenção cada uma das possibilidades oferecidas. Abra sua mente. É natural que haja um país de preferência pessoal, leve isso em consideração, mas, ao mesmo tempo, permita-se olhar para outros lugares, porque nem sempre o destino preferido é a melhor opção para o...

As 10 línguas mais difíceis de aprender

Você que deseja estudar um novo idioma, já se perguntou quais são as línguas mais difíceis de aprender? O FSI, Instituto de Serviço para Estrangeiros dos Estados Unidos, o qual auxilia diplomatas no treinamento de novos idiomas, elaborou uma lista com as línguas mais complexas para se alcançar a proficiência para os que falam inglês. É claro que o nível de dificuldade vai depender de fatores inerentes ao indivíduo, como, por exemplo, motivação, comprometimento e treinamento da memória. Mas essa lista é um excelente norte e mostra alguns desafios que devem ser superados. Confira! 1. Japonês O japonês tem três tipos diferentes de escrita (Kanji, Hiragana e Katakana) e um sistema de números que conta com duas pronúncias diferentes. Em resumo, exige que o aprendiz memorize uma quantidade considerável de símbolos e desenvolva uma habilidade de expressão com a qual os ocidentais não estão acostumados. Um outro fator interessante (e de certa forma complicador) é o contexto de um diálogo. Não se fala da mesma maneira com idosos, amigos, mulheres, crianças. Uma palavra colocada fora de seu “habitat” pode soar infantil, rude, ou seja, totalmente inapropriada. 2. Mandarim Seguindo o mesmo princípio do japonês, o mandarim demanda que se compreenda milhares de caracteres. São mais de 50 mil (é isso mesmo), mas calma. Dizem que para compreender a leitura de um jornal é preciso conhecer cerca de 3 mil. E uma pessoa com um nível alto de educação domina aproximadamente 8 mil símbolos. Não se pode descartar também que o mandarim é uma língua em que o tom da pronúncia faz a diferença no significado da palavra. Então não...

15 curiosidades da língua portuguesa

A língua portuguesa é de uma beleza e uma riqueza inegáveis. Mas não é só isso. O idioma, falado por mais de 250 milhões de pessoas em várias partes do mundo, tem muitas situações excêntricas que se revelam na linguagem escrita ou falada. Listamos aqui 15 curiosidades interessantes sobre a nossa língua portuguesa. Veja abaixo: Nove países Os nove países que usam a língua portuguesa de forma oficial são: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste. A cada cinco indivíduos que falam português no mundo, quatro são de origem brasileira. Qualquer e quaisquer O plural de qualquer é quaisquer. O interessante é que nenhuma outra palavra da língua portuguesa tem a indicação de plural no interior, o comum é sempre no final. Porcentagem e percentagem? As duas palavras refletem a mesma ideia: proporção de uma quantidade calculada sobre 100. Percentagem é uma adaptação do termo percentage, de origem inglesa. De acordo com o dicionário Houaiss, o termo foi adotado na língua portuguesa no século 19. E porcentagem é um abrasileiramento a partir da locução por cento. Maçã e maçaneta A palavra maçaneta (aquela das portas) é um diminutivo de maçã, a fruta. O motivo? A origem desta palavra é que, muitos anos atrás, a aparência da maçaneta era de uma pequena fruta. Machado de Assis, o primeiro O escritor Machado de Assis, um dos principais nomes da literatura no Brasil, foi o primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL), entre 1897 e 1908, da qual é um dos fundadores. Hoje, o carioca Domício Proença Filho, professor, crítico, poeta, ficcionista,...

Calendário Digital – Novembro de 2017

Como esse ano passou rápido, não é mesmo? Já estamos em novembro!! Logo começa tudo de novo. E que no próximo ano possamos fazer escolhas melhores, não somente para nós, individualmente, mas para nossa sociedade. E baixe nosso calendário e fique atento aos nossos posts! Sempre falamos sobre assuntos interessantes! Instruções – Instruções PC (Windows): Clique na imagem e ao abrir clique com o botão direito do mouse sobre a imagem de sua preferência e escolha “Definir como papel de parede…”. Instruções MAC OS9: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem de sua preferência e escolha “salvar como” no seu mac. 2. No Menu da Apple vá em Painel de Controle e escolha aparência. 3. Escolha “Colocar imagem” e busque o wallpaper. 4. Clique em “Definir como papel de parede”. Instruções MAC OS X: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem e escolha salvar. 2. Salve a imagem em “documentos”. 3. No Menu Apple> Preferências do sistema> Seção Pessoal> Documento. 4. Busque o wallpaper e escolha “definir como papel de parede” Caso a imagem não se encaixe em sua tela tente outra opção, sempre trazemos as imagens nos 4 tamanhos mais comuns de monitores. Tamanho 800×600 Tamanho 1024×768 Tamanho 1280×1024 Tamanho...

Tradução: custo ou investimento?

Há muitos profissionais vinculados a empresas de pequeno e médio porte que até hoje se perguntam: vale mesmo a pena investir recursos do meu departamento para uma tradução profissional? Em companhias onde já existe essa cultura, a resposta vem rápido: sim, vale a pena, pois trata-se de um investimento importante para se atingir (e superar) as metas e crescer. Porém, a resposta pode demorar a aparecer no caso de empresas nas quais a tradução ainda não está inserida na cultura do dia a dia. Essa dúvida é recorrente e, antes de indicar algumas pistas para se encontrar essa resposta, é importante compreender como se compõe um preço para um serviço de tradução. Existe uma lógica em torno desse assunto, portanto, nada é à toa. Variáveis na composição do preço Em todo o mundo, a unidade de cobrança mais comum em traduções escritas é a palavra. Essa é a maneira mais justa, inclusive. Algumas variáveis interferem na composição final do preço, e o idioma é um desses fatores. Os mais convencionais, como inglês e espanhol, ficam mais em conta em comparação com o eslovaco, o romeno ou o húngaro, por exemplo, já que no Brasil há muito menos profissionais que prestam serviços para esses últimos idiomas citados. Além disso, textos com terminologia mais técnica ou muito específica também afetam o preço pelo esforço maior que exigem do profissional na busca pela terminologia perfeita. As traduções juramentadas seguem uma outra dinâmica, a de cobrança por lauda – sendo que cada lauda equivale a 1000 caracteres de texto sem espaços. A JUCESP (Junta Comercial do Estado de São Paulo) normatiza as traduções...

Sua empresa é fácil de ser encontrada?

Para que um negócio saia do papel é preciso existir um encontro entre duas partes: quem oferta com quem procura um produto ou um serviço. Esse é o princípio básico de uma venda, não importa o segmento de atuação. Tranquilo, certo? Em tese é bem simples mesmo, porém nem sempre a empresa está disponível ou acessível em todos os meios possíveis para (pasmem) ser encontrada. Logo, o negócio acaba não se concretizando por um mero detalhe, absolutamente passível de controle. Por esse motivo é importante vez ou outra se fazer uma pergunta: minha empresa é fácil de ser encontrada? Se a resposta para essa pergunta for sim, pode relaxar. É um forte indicativo de que bons negócios ainda virão. Agora se a resposta for não, vale a pena parar, pensar e aparar as arestas para não dar margem ao erro e perder negócios futuros. Veja algumas dicas para deixar sua empresa mais acessível e, assim, ampliar as chances de fechar novas vendas. Tenha um site responsivo e bilíngue É indiscutível a necessidade de se ter um site hoje em dia. Muitos clientes procuram na internet soluções para os seus problemas, portanto, se não estiver lá com certeza está perdendo oportunidades. Mas não basta apenas estar on-line, é fundamental ter um site responsivo, que seja amigável e de fácil navegação em smartphones, já que o acesso por dispositivos móveis só cresce. Outra dica é ter um site preparado para ser entendido em outro idioma, pode ser o inglês, a língua universal, o espanhol, a segunda língua mais popular, ou então alguma outra língua com a qual sua companhia tenha algum...

A segunda língua mais falada em vários países do mundo

Cada país tem seu idioma oficial, a língua materna, aquela mais popular e ensinada dentro dos lares e nas escolas durante o processo de alfabetização. Às vezes há mais de uma, como é o caso do Canadá, por exemplo, que tem o inglês e o francês como línguas oficiais. Mas, no dia a dia, a comunicação entre as pessoas vai muito além de um idioma apenas. Além dos indivíduos que se dispõem a aprender uma segunda língua e a praticam, a migração e o trânsito de pessoas de diferentes culturas e tradições abrem um campo de diálogo em outro idioma que não é o local. A colônia japonesa no bairro da Liberdade, em São Paulo, é um bom exemplo dessa realidade, assim como as famílias de origem alemã, que estão muito presentes na região Sul do Brasil. A MoveHub, uma empresa britânica que auxilia pessoas a se mudarem para outros países, fez um levantamento interessante e apontou quais são as segundas línguas mais populares no mundo. O inglês lidera o ranking com 55 países, seguido pelo francês (14), russo (13) e espanhol (8). Nessa lista, o português aparece na oitava colocação, curiosamente atrás do árabe e do curdo. Veja abaixo uma lista de países (separadas por continente) e as respectivas segundas línguas mais populares. Com certeza você vai se surpreender. África Egito – inglês Líbia – italiano Tunísia – francês Somália – árabe Argélia – francês Camarões – inglês América do Sul Argentina – italiano Brasil – espanhol Chile – inglês Suriname – inglês Paraguai – guarani Ásia, Oceania e Oriente Médio China – cantonês Austrália – mandarim Mongólia...

5 perguntas para se fazer antes de contratar uma agência de tradução

Photo by Chris Lawton on Unsplash Está precisando contratar uma agência de tradução, mas não tem ideia do que fazer e nem por onde começar? Calma, não se desespere, pode ficar tranquilo porque essa é uma dúvida muito comum no meio empresarial, sobretudo em companhias que até o momento nunca precisaram (ou mesmo precisaram pouco) ter seus documentos traduzidos por outras empresas que estão fora do ambiente interno. Para ajudar você a solucionar esse problema e encontrar um caminho satisfatório, elaboramos cinco perguntas básica para se fazer antes de fechar negócio com uma agência de tradução. São questões elementares que te darão um norte nessa tarefa. Confira abaixo: 1. Quanto tempo possuem de experiência na área? A lógica aqui é bastante simples. Quanto mais experiente a empresa de tradução for, melhor. Nas entrelinhas isso significa que a companhia lida há um bom tempo com o segmento, ou seja, conhece mais a fundo as necessidades do cliente, consegue encontrar respostas para as eventualidades com mais agilidade e tem uma ampla rede de contatos de tradutores. É claro que empresas com pouco tempo de vida podem ter profissionais experientes por trás, e nesses casos não podem ser descartadas, por isso, não se acanhe em perguntar. 2. Trabalham com tradutores nativos? Essa pergunta é importantíssima na avaliação de uma empresa de tradução. Não há nenhum demérito em ser um tradutor e não ter nascido ou alfabetizado em uma língua com a qual se trabalha. Aliás, existem no mercado excelentes tradutores nesse perfil. Entretanto, se o profissional é nativo, naturalmente conhece detalhes do idioma que podem fazer a diferença, como expressões locais que...

Calendário Digital – Outubro de 2017

Estamos em Outubro! A primavera está a cada dia mais visível, uma beleza, não é mesmo? Além disso, comemoramos o dia das crianças, que é uma ótima desculpa para levá-los ao parque, ou qualquer passeio de preferência, não importa. O que importa é se divertir, pois a vida é mais curta do que se imagina. Baixe nosso calendário e siga nossos posts! Instruções – Instruções PC (Windows): Clique na imagem e ao abrir clique com o botão direito do mouse sobre a imagem de sua preferência e escolha “Definir como papel de parede…”. Instruções MAC OS9: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem de sua preferência e escolha “salvar como” no seu mac. 2. No Menu da Apple vá em Painel de Controle e escolha aparência. 3. Escolha “Colocar imagem” e busque o wallpaper. 4. Clique em “Definir como papel de parede”. Instruções MAC OS X: 1. Dê um ctrl clique em cima da imagem e escolha salvar. 2. Salve a imagem em “documentos”. 3. No Menu Apple> Preferências do sistema> Seção Pessoal> Documento. 4. Busque o wallpaper e escolha “definir como papel de parede” Caso a imagem não se encaixe em sua tela tente outra opção, sempre trazemos as imagens nos 4 tamanhos mais comuns de monitores. Tamanho 800×600 Tamanho 1024×768 Tamanho 1280×1024 Tamanho...

As palavras e sentimentos sem tradução

Photo by Dayne Topkin on Unsplash O pesquisador britânico Tim Lomas, da Universidade do Leste de Londres, tem desenvolvido um trabalho interessante no campo da tradução. Chamado Lexicografia Positiva, Lomas tem se dedicado a registrar diferentes sentimentos expressados por povos de todo mundo, mas que ainda não possuem uma tradução para o inglês. É como se estivesse criando um dicionário a partir de termos estrangeiros. O objetivo do professor de psicologia positiva é trazer essas expressões de sentimentos para o nosso cotidiano. A ideia? Surgiu depois de ouvir durante uma palestra a definição dos finlandeses para a palavra sisu, que quer dizer uma determinação extraordinária diante de uma adversidade. Para os nórdicos, as palavras perseverança e resiliência são insuficientes para transmitir o estímulo interior do termo. Ou seja, é algo “intraduzível”. Não existe uma palavra sequer que seja capaz de difundir a profundidade que o termo carrega. Tradução próxima do significado real  A partir daí Lomas começou a pesquisar outros exemplos e organizar essas informações, e os primeiros resultados foram publicados no ano passado, no periódico Journal of Positive Psychology. Para ele, muitas das traduções que oferece até agora são apenas explicações que se aproximam dos significados reais dos termos. Lomas considera o trabalho em aberto e de constante afinamento, por isso avalia como muito importante ouvir sugestões e comentários de nativos e pessoas que conhecem a fundo as expressões e sentimentos. Confira abaixo alguns dos termos de sentimentos positivos e negativos que, até então, não tinham tradução para o inglês, e sua respectiva língua de origem. Veja também abaixo, além dessas emoções, características de pessoas e comportamentos: Natsukashii...

Parabéns, tradutor!

Photo by Patrick Tomasso on Unsplash No dia 30 de setembro se comemora o Dia do Tradutor, o profissional que abre novos caminhos, estreita as relações humanas, une povos, culturas diversas e nos faz entender e ser entendidos por muitos outros semelhantes. O tradutor torna a vida mais prática e democrática. Aproveitamos essa data especial para agradecer ao profissional que não mede esforços para tornar a comunicação fluida, acessível a todos, sem distinção de raça, crenças ou situação econômica e social. Sabemos que foram anos de estudos, dias e noites de aprendizados, vivências, aprofundamento sério no idioma, concentração e pesquisa, muita pesquisa. E valorizamos tudo isso. Tradução é dedicação, respeito e amor às línguas. Parabéns a todos os...

A América dividida pelos idiomas

O continente americano, localizado entre o oceano Pacífico e o Atlântico, é o segundo mais extenso do planeta, atrás apenas da Ásia. Sua área total é de 42.189.120 km² e mais de 902 milhões de pessoas vivem nessa região, que compreende a América do Norte, a América Central e a América do Sul. Somados, esse conjunto de terras corresponde a 8,3% da superfície total do globo, e 14% da população humana. Canadá, Estados Unidos e Brasil são os três maiores países de toda a América, os dois primeiros localizados na América do Norte e o último na América do Sul. Os três países também estão presentes na lista das dez maiores economias do mundo – EUA (primeiro), Brasil (nono) e Canadá (décimo), o que evidencia a força da região. O Canadá é o maior estado soberano da América, com 9.984.678 km², enquanto São Cristóvão e Nevis, com 261 km, é o menor. Já o mais populoso é os Estados Unidos, com mais de 320 milhões de pessoas. A população da América é bem variada. É formada por diferentes tipos de povos; podemos citar os índios, os europeus (espanhóis, ingleses, italianos, portugueses, franceses, entre outros), além de asiáticos, africanos e mestiços. Essa abrangência cultural trouxe junto muitos idiomas. Conforme informações do site Ethnologue, a América tem hoje 1.061 línguas vivas, considerando a América do Norte (256), a América Central (326), a América do Sul (456) e o Caribe (23). Dessas, 37 são institucionais, 237 estão em desenvolvimento, 139 são avaliadas como vigorosas, 307 estão com problemas e 341 estão deixando de existir. As línguas mais faladas são: inglês, espanhol, português...

A Europa dividida pelos idiomas

Photo by David Dibert on Unsplash Dos cinco continentes presentes no globo, a Europa é o quarto em termos de extensão territorial. São 10.180.000 km² de área, contra os 43.410.000 km² da Ásia, o maior de todos nesse quesito. A densidade demográfica, porém, tem índice alto. Considerando uma população geral de aproximadamente 740 milhões de pessoas, são mais de 70 habitantes por km², perdendo apenas para a Ásia (quase 90 habitantes por km²). O continente europeu é caracterizado por uma enorme quantidade de países em um território relativamente pequeno. São cerca de 50 países distribuídos em seu território, e o país com a maior extensão territorial é a Rússia (que também faz parte da Ásia, não se pode esquecer), e o menor é o Vaticano, sede oficial do Papa, líder maior da Igreja Católica. São 287 línguas vivas existentes hoje na Europa Essa grande variedade de culturas e tradições se reflete nas línguas faladas. Há uma grande quantidade de idiomas muito diferentes falados em uma área bem próxima. De acordo com o compêndio Ethnologue, hoje existem 287 línguas vivas na região, que representam 4% de todo o planeta. A Suíça é o país com mais línguas oficiais, quatro: francês, italiano, alemão e romanche. Já a Bélgica conta com três idiomas oficiais: holandês, francês e alemão. Quando olhamos para os 28 membros da União Europeia, encontramos 24 línguas oficiais. São elas: alemão, búlgaro, checo, croata, dinamarquês, eslovaco, esloveno, espanhol, estoniano, finlandês, francês, grego, húngaro, inglês, irlandês, italiano, letão, lituano, maltês, holandês, polaco, português, romeno e sueco. Dentro da União Europeia, existem mais de 60 línguas consideradas regionais, as quais são...